FICHA TÉCNICA

Mestre da GuerraUma Lenda Forjada em Batalha (Mestre da Guerra #1)
Autor: David Gilman
Ano de Lançamento: 2015
Nº de páginas: 488
Editora Novo Século
Compre AQUI: http://amzn.to/2sbRPUT


SINOPSE

Em meio à carnificina da Guerra dos Cem Anos – o confronto mais sangrento da Idade Média –, um jovem arqueiro enfrentará seu destino.Para Thomas Blackstone a escolha é fácil: ou ficar na difícil situação de responder por um assassinato que ele não cometeu, ou pegar seu arco e flecha e se juntar à invasão do rei.Em extrema desvantagem, o exército de Eduardo III enfrentará as forças armadas francesas na Batalha de Crécy. É a batalha que mudará a história das guerras para sempre, uma batalha que forjará uma lenda.DAVID GILMAN é um autor premiado. Antes de ser escritor em tempo integral, teve várias profissões – incluindo bombeiro, soldado e gerente de marketing. Ele também foi um roteirista de televisão de sucesso – o principal escritor de A Touch of Frost. Gilman já viajou pelo mundo reunindo inspiração para seus escritos. Atualmente, vive em Devonshire, com sua esposa, Suzy Chiazzari, e três gatos.


RESENHA –  UMA LENDA FORJADA EM BATALHA (MESTRE DA GUERRA #1)

A vida pode ser uma linha inconstante e traiçoeira, cada passo que se dá adiante pode revelar um caminho diferente, e a mais singela decisão poderá afetar o rumo da história, assim David Gilman apresenta Thomas Blackstone um jovem arqueiro que apesar de seus 16 anos encontra-se responsável pelo seu irmão mais novo, surdo e mudo, Richard Blackstone, após a morte de seu pai, sobrevivendo com o trabalho duro de pedreiro.

Mestre da Guerra

“Como um sonho que dissolvia, ele começava a ser desconectado da vida de pedreiro. Uma morte lenta, em vida, onde não havia nada a que se agarrar. ”

A trama começa quando seu irmão Richard Blackstone é acusado de um crime duvidoso, ao qual Thomas é também responsabilizado levando ambos a forca, porém, no último instante um representante de seu Lord oferece uma alternativa: morrer na forca ou juntar-se ao rei inglês Eduardo III, marchando contra o poderoso exército francês na sangrenta batalha de Crécy.

Mestre da Guerra“Você está sozinho, Thomas Blackstone, e é melhor aprender a aceitar, cutucava a voz em sua mente. Não é nobre nem aldeão, é uma criatura nascida do sangue e do medo. E da raiva, não se esqueça da raiva. “

No decorrer de sua jornada Thomas se mostra extremamente astuto e impertinente, passando a ser reconhecido por ser um ótimo estrategista e exímio arqueiro, absolutamente mortífero para o exército francês. Fica notório durante toda a história sua determinação inabalável e humildade ao mesmo tempo que é endurecido a cada batalha, assim forjando à lenda que virá a ser.

Mestre da Guerra

“Você é um homem livre; aja como um, Killbere o repreendera. Independente de quão bons tivessem sido os homens junto dele, o cavaleiro dissera que não chegavam aos pés do pai dele. Você é melhor do que eles. Comece a pensar e comporte-se como ele”

É impressionante como Gilman tem a habilidade de inserir personagens fictícios em algo que realmente aconteceu e acredito que o ponto alto do livro é a riqueza de detalhes nas grandes batalhas e apesar da escrita um tanto quanto morosa é possível notar a grande evolução dos personagens. Palavras como amor, lealdade, honra e gloria definem por si só essa grande obra.


SENTENÇA

Confesso que por ser o primeiro livro de Gilman estava um pouco temeroso, porem, acabei me deparando com uma incrível obra recheada de batalhas, e personagens complexos. Vale ressaltar também a constante evolução do protagonista que nos deixa perplexo em vários momentos. Com certeza Gilman acertou em cheio com esse excelente livro, e só posso dizer que mal posso esperar para ler a continuação dessa trilogia incrível.

Comentários

Comentários